Como instalar um Ubuntu mínimo e usável

FazendoAcontecer.net.

Produtividade pessoal com GTD? É no FazendoAcontecer.net.

Como mudar sua vida de forma inteligente? É no FazendoAcontecer.net.

Dicas e truques de internet e computação? É no FazendoAcontecer.net.

Lifehacking? É no FazendoAcontecer.net.
Assine nosso feed RSS.

O FazendoAcontecer.net dá as boas vindas a todos os visitantes do BR-Linux.org. Nosso objetivo é oferecer truques, dicas e downloads para que vocês tenham uma vida mais fácil com o computador. Caso goste do nosso blog, assine nosso feed RSS ou, se preferir, inscreva-se para receber nossos artigos por email clicando aqui.

como-fazeracontecerCom os preços de equipamentos de informática caindo rapidamente, mesmo no Brasil, capacidade de processamento limitada não é mais um problema tão comum quanto era há alguns anos atrás. Hoje é possível comprar computadores bastante razoáveis a preços proporcionalmente mais baixos, quando comparados aos de 5 anos atrás.

Porém, capacidade de processamento não é o único fator que leva alguém a querer economizar recursos de sua máquina. Outras possíveis — e frequentes — razões são a necessidade de montar um sistema com objetivos específicos, como servidor de email ou ftp, ou para não desperdiçar nem uma gota da memória RAM e processador com aplicativos e processos que nunca irá usar — ou ainda para fuçar no SO e poder se autointitular geek depois.

ubuntu-logoIsso levou o usuário do Ubuntu Forum, TheShiv, a escrever um pequeno tutorial mostrando como criar uma instalação mínima, mas que contenha tudo que você realmente vai precisar. Partindo de uma instalação do Ubuntu Server Edition CD ou do Ubuntu Minimal CD. Uma vez instalado o básico, ele acessa a internet e instala apenas o que realmente vai usar.

Até aí, nenhuma novidade, mas esta é uma maneira muito mais lógica de se instalar um sistema operacional — partindo do núcleo apenas, para então incluir as ferramentas do dia-a-dia. Ele simplificou o processo, resumindo tudo a apenas 2 comandos que podem ser baixados e executados em formato de script ou copiados e colados em um terminal bash. O script é apenas um par de sudo apt-get -y install com uma série de aplicativos que podem, e devem, ser alterados/adicionados/removidos de acordo com a necessidade.

Claro que existem outras formas para se alcançar o mesmo objetivo (aliás, como tudo no Linux), mas o método dele consegue um sistema bem funcional, com baixíssimo uso de memória RAM (de 350MB para 90MB, segundo o autor), mas ainda baseado em Gnome e vem sendo bem comentado pelo pessoal do fórum.

No fim, você faz acontecer com produtividade, ganhando tempo e economizando dinheiro.

O código do script a ser usado depois da instalação básica é:

#!/bin/bash
#################################################################
# Ubuntu-Desktop-Minimal: Post-install script to install only the bare
# essentials of an Ubuntu Desktop.
#################################################################
echo "[*] Installing Gnome Essentials"
sudo apt-get -y install gnome-core gdm network-manager-gnome fast-user-switch-applet \
human-theme x11-xserver-utils tangerine-icon-theme gnome-themes-ubuntu ubuntu-artwork \
jockey-gtk gnome-screensaver gnome-utils
echo "[*] Installing Application Essentials"
sudo apt-get -y gcalctool tsclient

HowTo Achieve “Ubuntu-Desktop-Minimal” [via Lifehacker]

Share

O que achou do artigo? Comente.


Feed dos comentários2 Comentários

  1. Diego

    Legal Rafael, excelente dica.

  2. Método alternativo de instalação do Ubuntu para configurações mais leves

    […] por Rafael Perrone (rafaelΘrafaelperrone·com) – referência […]

O que você achou deste artigo? Comente.

http://fazendoacontecer.net / Como instalar um Ubuntu mínimo e usável