Como encontrar alternativas open source para programas comerciais

FazendoAcontecer.net.

Produtividade pessoal com GTD? É no FazendoAcontecer.net.

Como mudar sua vida de forma inteligente? É no FazendoAcontecer.net.

Dicas e truques de internet e computação? É no FazendoAcontecer.net.

Lifehacking? É no FazendoAcontecer.net.
Assine nosso feed RSS.

open-source-alternativeMuitos motivos podem levar alguém a escolher um programa com código livre ou aberto em detrimento dos concorrentes comerciais. Talvez a principal delas seja economizar dinheiro, evitando o desembolso financeiro, muitas vezes abusivo — uma licença simples do Adobe Photoshop CS4, por exemplo, custa 700 dólares. Mas há outras questões envolvidas.

Defensores dedicados da iniciativa do software livre — dos quais Richard Stallman é um dos expoentes — pregam que os programas devem atender aos 4 tipos de liberdade, conforme definidos pela Free Software Foundation na GNU GPL (General Public License — Licença Pública Geral):

  • A liberdade para executar o programa, para qualquer propósito (liberdade nº 0);
  • A liberdade de estudar como o programa funciona, e adaptá-lo para as suas necessidades (liberdade nº 1). Acesso ao código-fonte é um pré-requisito para esta liberdade;
  • A liberdade de redistribuir, inclusive vender, cópias de modo que você possa ajudar ao seu próximo (liberdade nº 2);
  • A liberdade de modificar o programa, e liberar estas modificações, de modo que toda a comunidade se beneficie (liberdade nº 3). Acesso ao código-fonte é um pré-requisito para esta liberdade;

No entanto, encontrar uma alternativa open source nem sempre é tarefa das mais fáceis e, para isso existem os diretórios de software livre. Um destes é o The Linux Alternative (anteriormente conhecido por Linux Equivalente Project), mas ele oferece apenas programas para este sistema operacional, deixando o Mac OS X e o Windows de fora.

Open Source as Alternative

O Open Source as Alternative é um diretório bem mais abrangente e com um interface muito mais amigável.

Além de listar os softwares em categorias específicas, como Negócios, Áudio e Multimídia e Web Development, também apresenta alternativas para um determinado programa comercial de código-fonte fechado.

autocad-alternativa-opensource

Por exemplo, ao selecionar o AutoCAD, a página descreve o programa da Autodesk (obrigado, Fabrício) e sugere as alternativas QCad Community Edition, Archimedes e BRL-CAD. Para o Photoshop, cita o Krita, Gimp, Seashore, CinePaint e Gimpshop.

De quebra, ainda indica quais sistemas operacionais são suportados por cada programa, tanto abertos quanto os comerciais fechados.

Confesso que não sou um pregador do software livre e acredito, sinceramente, na convivência pacífica entre os dois mundos. Porém, quando existem alternativas equivalentes ou, no mínimo, que atendam às minhas necessidades, opto por este tipo de solução.

Mais informações sobre a iniciativa do software livre no Brasil podem ser encontradas no Software Livre Brasil e no BR-Linux.org, um dos maiores, mais antigos e respeitados blogs nacionais.

Share/Save

O que achou do artigo? Comente.


Feed dos comentários2 Comentários

  1. Fabricio

    Bom artigo. Já estou dando uma olhada.
    Pra constar, o AutoCAD não é da Adobe, mas sim, da Autodesk.
    Valeu!

  2. Rafael Perrone

    Fabrício,

    obrigado pelo correção. Já atualizei o artigo.

O que você achou deste artigo? Comente.

http://fazendoacontecer.net / Como encontrar alternativas open source para programas comerciais